Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

DIY – Hidratação de salão em casa!

Hidratação da época da vovó que faz milagre!

Nos dias de hoje quando pensamos em hidratação para os cabelos, ficamos perdidos com as inúmeras opções e receitas que encontramos pela internet a fora, e sempre surgem dúvidas como: ”Será que é boa para o meu cabelo?” ”Vai hidratar mesmo?” ”Que tipo de hidratação realmente funciona?”.

Ao longo dos anos, a hidratação com a famosa Babosa ou Aloe vera se preferir, tem sido a melhor e mais usada, essa receita da época da vovó possuí vitaminas do complexo (A, B1, B2, B3 e B6) minerais e aminoácidos, principais responsáveis pela nutrição profunda dos fios, deixando-os mais macios com brilho e sem oleosidade.

Esse procedimento não é aconselhável para os cabelos loiros, pois sua coloração verde tende a manchar os fios, e para os demais tipos de cabelos , lisos, ondulados, ruivas, morenas, crespos, podem usar essa hidratação a vontade. Ahhh e para as cacheadas essa hidratação também ajuda a definir os cachos deixando-os mais soltos e hidratados da raiz até as pontas!

palmirinha-selo-de-aprovação

Porém, para garantir o resultado perfeito dessa hidratação, são necessários alguns cuidados:

– Ao enxaguar o cabelo após o tempo de ação do produto, é aconselhável usar água morna quase fria para garantir o brilho e evitar o ressecamento.

– O ideal após esse processo é que o cabelo secar naturalmente, para que as vitaminas presentes na babosa tenham um tempo de ação prolongado.

– Caso haja a necessidade do uso do secador é recomendável utiliza-lo na potência média, para que não prejudique o resultado final.

– Cuidado com os espinhos das laterais da babosa, pois em contato com a pele podem causar alergias e vermelhidão.

Essa semana a Youtuber Stela Fernandes testou uma receita e ensinou como fazer uma poderosa hidratação caseira combinada ao banho de verniz Felps, que segundo ela é de desmanchar o cabelo!!

Confira no vídeo abaixo!!

Compartilhar:

Não há comentarios.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *